GT Bible Studies    

    Portuguese    


Navigation Glad Tidings Bible Studies in Portuguese

5. A PARÁBOLA DO FILHO PERDIDO Lucas 15:11-24



CONTEXTO: Uma história contada por Jesus é chamada de parábola. Uma herança nunca era recebida enquanto o pai estivesse ainda vivo. No tempo de Jesus, não existia uma casa isolada num monte, mas sim estaria situada numa estreita estrada de aldeia. O único lugar de onde se podia ver para fora dos limites da aldeia era o telhado da casa (20). Como já mencionámos anteriormente, naqueles lugares os homens não fugiam.

1. Um jovem consegue ser feliz quando os pais lhe impõem limites à sua liberdade?
  • Porque é que o filho mais novo não estava feliz apesar de ter uma boa casa e um bom pai?
  • Se estivesses no lugar do pai, o que é que terias respondido ao pedido do filho (12)?

    2. Porque é que o pai escondeu o seu desapontamento e a sua preocupação, apesar de saber perfeitamente o que iria acontecer ao deixar o seu filho ir (12)?
  • Nesta parábola o pai é Deus. O filho pode ser uma pessoa que virou as costas a Deus depois de ter acreditado nele e/ou de ter sido batizada no seu nome. Porque é que Deus não tenta evitar que o seu filho se afaste dele?

    3. Porque é que hoje em dia há tantos jovens atraídos pelo tipo de vida deste jovem – ir para o estrangeiro, sem responsabilidades e os bolsos cheios de dinheiro?
  • Como é que este jovem usou o dinheiro do seu pai: olha para os versículos 13 e 30?
  • Porque é que este jovem não tinha verdadeiros amigos que o apoiassem assim que a sua sorte se esgotou?

    4. Na cultura Judaica, o porco era considerado um animal sujo. O que pode este jovem ter pensado quando foi obrigado a procurar trabalho numa quinta de criação de porcos (14-15)?
  • Porque é que a este jovem não foi sequer permitido comer a comida destinada aos porcos, a fim de satisfazer a sua fome (16)?

    5. Qual a razão pela qual, em vez de cometer suicídio na sua situação de desespero, este jovem “caiu em si” (17)?
  • Nos versículos 18-19, podes ler a confissão que ele preparou para fazer ao seu pai. Quais os pecados que ele cometeu contra o pai?
  • Quais os pecados que ele cometeu contra “o céu” (21)?
  • Quais os teus pecados a) contra o céu, e b) contra os teus pais? (Podes responder do fundo do teu coração).

    6. Porque é que ele não planeou pedir ao pai que o recebesse de volta como filho (19)?
  • Geralmente que tipo de pessoas acham que não são dignos de serem chamados filhos de Deus (19)?

    7. O que é que o pai pensou quando viu o filho a arrastar os pés na estrada da aldeia, descalço e com a roupa em farrapos?
  • Como foi possível o pai reconhecer o filho à distância, ao longe (20)? (lê o contexto)
  • O que é que achas que o pai fez enquanto o filho esteve longe todos aqueles anos (20)?

    8. Porque é que o filho não disse ao pai nada daquilo que tinha planeado (18-19 e 21)?
  • O que é que as palavras e o comportamento do pai transmitiram ao filho (22-23)?
  • Quando é que o pai perdoou o filho? Menciona o versículo.
  • Quando é que o filho começou a acreditar no amor e perdão do pai? Menciona o versículo.
  • O que é que o pai quis dizer no versículo 24?

    9. Como é que o amor de Deus é diferente do amor dos humanos?
  • O que é que esta parábola nos ensina em relação à conversão?

    10.
    PERGUNTA DE BOAS NOVAS: “ O meu filho estava como morto e voltou à vida”. Jesus deixou também a casa de seu Pai e veio à terra, não com o propósito de se rebelar contra o Pai, mas sim para cumprir com a vontade dele. Ao retornar a casa, bateram-lhe com a porta do céu na cara, e Jesus chorou: “ Meu Deus, meu Deus, porque é que me abandonaste?” Porque é Jesus não foi recebido e acolhido da mesma forma que o filho desta parábola? Porque é que o filho não foi rejeitado da mesma forma que Jesus foi?
  • (para todos responderem): Qual foi a coisa mais importante que aprendeste desta parábola?

    ***


       
    Downloads    
    Contact us    
    Webmaster